• pzorzodias

O marketing promovido digitalmente é um dos alvos do crime de plágio.

Se você promove seu trabalho por meio das redes sociais, esse texto é para você!


O avanço da tecnologia viabilizou os acessos às redes sociais e com esse advento, conflitos acerca da produção de conteúdos digitais se tornaram uma realidade entre os usuários das redes sociais. É cada vez mais comum ver empreendedores expandindo seus negócios e promovendo seus produtos através das redes, porém existem aqueles que utilizam as informações disponíveis de modo indevido.


De acordo com a lei nº 9.610/98 que consolida e regulamenta o tema dos direitos autorais, cada produtor de conteúdo possui seu direito autoral assegurado, devendo se colocar contra qualquer adaptação, cópia, reprodução ou tradução do seu trabalho. Vale dizer que o criador do conteúdo não é obrigado a aceitar a reprodução de seu conteúdo, mesmo que sejam promovidos os créditos sobre o assunto plagiado, se não houver sua autorização regular.


A violação do direito autoral incorre em crime de plágio que está amplamente previsto no artigo 184 do Código Penal, cuja pena é de prisão e varia entre três meses e um ano, mais a aplicação de multa. E pode ser considerado de três formas distintas: (i) será integral quando a cópia de um determinado trabalho seja de inteiro teor e sem citar a fonte; (ii) poderá ser considerado parcial quando há cópia de alguns trechos de um ou mais autores, sem menção às obras originais; ou (iii) conceitual, que é na hipótese de utilização da essência da obra do autor colocada de forma diferente da original.


Independentemente de qual forma o plágio é cometido, os prejuízos para o autor do texto ou da postagem são reais e devem ser reivindicados. Existem mecanismos de denúncia que visa registrar esse delito. Apresentaremos na próxima semana todos os métodos que poderão ser utilizados para notificar e solucionar essa questão.


Compartilhe conosco sua experiência sobre esse assunto, você tem receio de sofrer com plágio?



Fonte da Imagem: conceitoideal.com.br/blog/


31 visualizações